terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

"Yves Saint Laurent é tema de duas cinebiografias"


Gaspard Ulliel nos dois cliques em poses emblemáticas de Yves Saint Laurent  (Foto: Reprodução)
 
Yves Saint Laurent, icônico estilista francês falecido em 2008, é tema de duas cinebiografias (ainda sem previsão de estreia). A primeira, intitulada "Saint Laurent", é dirigida por Bertrand Bonello e tem o ator Gaspard Ulliel como protagonista, ao lado de Jérémie Renier e Léa Seydoux que ocupam, respectivamente, os papeis de Pierre Bergé e Loulou de la Falaise.

  (Foto: Reprodução)

Já o segundo, "Yves Saint Laurent", tem direção de Jalil Lespert e elenco que inclui o menos conhecido ator Pierre Niney como o couturier, em uma trama que promete focar mais no caso de amor entre Yves e Bergé (ele foi durante décadas o partner do estilista nos negócios e na vida privada).
A produção de Lespert, conta com o plus do apoio de Pierre, que deu ao cineasta acesso total aos arquivos da grife para ajudar na reprodução de peças de roupa, enquanto o longa de Bonello tem seu figurino desenvolvido por Anaïs Romand – além de uma polêmica a caminho, já que os rumores dão conta de que Bergé pretende tomar medidas legais para impedir que sejam reproduzidos modelos de Saint Laurent na telona sem sua prévia autorização. A PPR, que é a atual proprietária da marca YSL, ainda não se pronunciou sobre o assunto.

  (Foto: Reprodução)

Em tempo: foi lançado em 2009 o documentário "O Louco Amor de Yves Saint Laurent", com direção de Pierre Thoretton, que levou ao cinema não só uma retrospectiva da vida do estilista, mas também os detalhes por trás do leilão de obras de arte de sua respeitada coleção.