sexta-feira, 15 de abril de 2011

Pouco mais de um mês após ser demitido da Dior, John Galliano volta a reabilitação para receber outra notícia: que será afastado da direção criativa da sua própria marca.

Por decisão da Christian Dior SA, que detém 91% da John Galliano, a criação da grife fica a cargo da equipe de estilo que já trabalhava com Galliano.

O estilista ainda enfrenta julgamento em junho e pode pegar até seis meses de prisão como resultado das ofensas antissemitas feitas por ele a um casal em fevereiro.